top of page

NOTÍCIAS DA ACE

Mútua encerra o ano com importantes melhorias para os associados

Ultima atualização em 16 Dezembro de 2022 às 17:08 horas


Novo PIM, ampliação do teto e do prazo de reembolso dos benefícios, aumento dos valores dos auxílios sociais, prorrogação do vencimento da anuidade 2023 e garantia do Pecúlio para novos associados após 30 dias de inscrição são algumas das novidades


Com grande satisfação e como uma forma de fechar com chave de ouro o ano de 2022, após intenso trabalho realizado pela atual gestão da Mútua para levar melhorias e mais benefícios para os associados, a Caixa de Assistência comunica importantes mudanças e inclusões em seus produtos e serviços.


Diante da tramitação no Confea e a aprovação no Plenário do Federal pelos conselheiros, nesta sexta-feira (16/12), durante a 1625ª Sessão Plenária, uma série de ajustes propostos pela Diretoria Executiva será implantada em 2023, representando avanços muito significativos e de relevância ímpar no atendimento às necessidades dos profissionais associados.


“Hoje é um dia histórico”, destacou o presidente da Mútua, Francisco Almeida, ao falar sobre as aprovações dos projetos no Confea. “Esse é o maior pacote de benefícios sociais aprovado dentro da Mútua. A partir disso, a Mútua retira seu viés financeiro e volta para o viés social e de acolhimento. Quero agradecer em nome da nossa Diretoria ao presidente do Confea, Joel Krüger, e cada conselheiro federal”, pontuou.


Da mesma forma, a diretora administrativa, Giucelia Figueiredo, que também acompanhou as deliberações do Plenário, refletiu sobre a importância das mudanças. “Mais que um marco histórico é um momento em que estamos reafirmando e consolidando nosso comportamento como um Sistema”, disse. Ela completou sua fala ressaltando que essa visão sistêmica tem a obrigação de cada vez mais ampliar o olhar social do Sistema Confea/Crea e Mútua.


O presidente do Confea, Joel Krüger, disse que realmente é um momento muito especial para o Plenário e que entendendo a dimensão do que foi aprovado, ampliou o tempo de intervenções por parte dos conselheiros.


“Além dos benefícios, da questão financeira e dos interesses individuais, temos a questão do coletivo, dos benefícios sociais e do acolhimento. As pessoas se enganam achando que os engenheiros não precisam desse olhar social, mas quem conhece a realidade, sabe muito bem quais são as dificuldades que cada engenheiro e que cada engenheira passa por esse Brasil. Tivemos vários depoimentos pessoais belíssimos da utilização dos benefícios e da necessidade da nossa Caixa de Assistência. Sou associado há 37 anos e por diversas vezes utilizei os benefícios, então fico feliz pelas propostas aprovadas hoje”, sinalizou Krüger.


Um dos depoimentos dos quais se referiu o presidente do Confea, foi o da conselheira Andréa Brondani. Ela citou alguns momentos difíceis pelos quais os profissionais de seu estado passaram, como estiagens e doenças.


“Foram várias sessões plenárias em que me manifestei cobrando o aumento de benefícios para os nossos mutualistas. No querido estado do Rio Grande a Covid levou muitos dos nossos profissionais e diversos mutualistas. Aqui me emociono porque alguns deles eram próximos e foram eles que me apresentaram a Mútua. Em especial, um deles, de Santa Rosa, quando veio a falecer e foi a Mútua que amparou (sua família) com o Pecúlio. E esse momento é um momento de muita emoção porque eu sei que ele era um grande defensor da Mútua. E quando eu cobrei na Plenária, cobrava em nome dos profissionais do RS, mas sei que em todos os estados temos colegas que precisam desses benefícios”, ponderou a conselheira.


Da mesma forma, o conselheiro Ricardo Lüdke disse que faria coro ao depoimento bastante emocionado da conselheira Andréa, sobre o alcance dos benefícios da Mútua. “Peguei Covid e foram 30 dias hospitalizado, mais o período de recuperação, 21 dias de UTI. Quase não me recuperei. Naquele momento, quem me socorreu foi minha família, o que foi dispendido para sair do serviço público, que não conseguia prestar um bom serviço aos acometidos pela Covid, e ir para um hospital particular, deixou uma conta a ser paga. Parte foi doada, parte eu tinha e parte tive que financiar e, para isso, utilizei o benefício da Mútua. Isso mostra que o alcance é muito grande, pois esse conselheiro que vos fala, utilizou o benefício da Mútua. Poderia estar aqui por outros motivos (sem o auxílio da Mútua), sim. Mas estaria devendo outros credores e não apenas uma única conta que posso escalonar”, compartilhou o conselheiro do Amazonas.


Diversos conselheiros falaram a respeito das melhorias e ampliações dos benefícios da Mútua, reiterando a importância dos trabalhos da Caixa de Assistência para os profissionais.


Veja a seguir detalhes das novidades:


PIM


Criação do Programa de Inclusão da Mútua – PIM, que tem por objetivo apoiar a pessoa com deficiência por meio de benefícios e prestações assistenciais que possibilitem dar autonomia para o mercado de trabalho e melhora na qualidade de vida.


Anuidade e Redução de prazo de carência para o início da Cobertura Básica de Pecúlio por Morte


Novos associados terão garantido o auxílio Pecuniário após um mês de inscrição na Mútua. Para viabilizar essa importante melhoria, foi necessário reajustar o valor da primeira contribuição anual, que em 2023 será R$ 80. Mas lembre-se: o valor da anuidade volta para você em forma de benefícios. Vale o investimento!


A redução da carência do Pecúlio não contempla óbitos decorrentes de Doenças Graves previstas pela legislação previdenciária brasileira (que terão o prazo de carência mantido em 1 ano, conforme regras atuais.


Aumento nos valores dos benefícios sociais


Uma ajuda para aqueles momentos difíceis. Em 2023 teremos aumento nos valores dos benefícios sociais:


Auxílio Funeral – de 6 mil para 7 mil;


Pecúlio por Morte Acidental – de 40 mil para 50 mil


Pecúlio por Morte Natural – de 20 mil para 25 mil


Ampliação do teto e do prazo dos benefícios reembolsáveis


Duas das principais demandas dos associados foram contempladas nas mudanças previstas para 2023: a ampliação do teto e do prazo dos benefícios reembolsáveis.


Agora será de até 60 meses o prazo para os associados quitarem os benefícios das linhas Garante Saúde e Equipa Bem (veículos, equipamentos, aparelhos eletrônicos, hardwares e softwares, aquisição, construção, reforma e ampliação de imóvel, aquisição de móveis, aquisição equipamentos, máquinas, animais e implementos agropecuários e aquisição de equipamentos utilizados em instalações de energias renováveis).


Os tetos de concessão de cada carteira reembolsável passarão a ser corrigidos sempre no dia 1º de janeiro de cada exercício, pelo INPC médio dos últimos 12 doze meses, de acordo com o teto definido no anexo de cada carteira.


Os novos limites aprovados para o próximo ano são:


Ajuda Mútua – Até R$ 6.060


Garante Saúde – Até R$ 121.2000,00 (corresponde a 100 salários mínimos vigentes no país)


Equipa Bem – Até R$ 157.600,00 (corresponde a 130 salários mínimos vigentes no país)


Equipa Bem (despesas de interesse profissional) – R$ 60.600,00 (corresponde a 50 salários mínimos vigentes no país)


Férias Mais – R$ 60.600,00 (corresponde a 50 salários mínimos vigentes no país).


Nova data de vencimento da anuidade 2023


Para facilitar a vida dos associados, sabendo que no início do ano as despesas são maiores e para facilitar a organização financeira dos mutualistas e diminuir as despesas de início de ano, será postergar a data de pagamento da anuidade, que passa a ser 30 de junho.


Também seguiremos com os descontos por pontualidade:


Pagamento até 30/04/23 – Desconto de R$40 (R$ 160)


Pagamento até 30/05/23 – Desconto de R$30 (R$ 170)


Pagamento até 30/06/23 – Desconto de R$20 (R$ 180)


Após o vencimento (30/06/23) – R$ 200 e incidência de juros e multa.

Será concedido desconto de 50% para profissionais recém-formados e para associados com mais de 60 anos de idade e com 25 anos de associatividade.


As melhorias são frutos de sugestões trazidas pelos diretores regionais e de indicações de aperfeiçoamentos dos diretores executivos e das áreas técnicas da Mútua e que, após estudos, foram apresentadas ao Confea.



Alline Abreu – Comunicação/Mútua

Fotos: Marck Castro – Confea

20 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page