top of page

NOTÍCIAS DA ACE

MME lança encarte com marcos nas áreas de minas e energia nos últimos dois séculos

Ultima atualização em 08/09/2022 às 11:10 horas

Em comemoração ao Bicentenário da Independência do Brasil, o Ministério de Minas e Energia (MME) lança, nesta terça-feira (06/09), o encarte “Minas e Energia ao longo da história brasileira”. A publicação traz uma viagem no tempo, com relato, em texto e fotografias, dos mais importantes marcos e iniciativas que permearam a história da energia elétrica, do petróleo, do gás natural e da mineração no Brasil. O material mostra a evolução de cada setor até o atual cenário de avanço das fontes alternativas de energia.


Em suas primeiras linhas, o livreto nos reporta a 1883, quando D. Pedro II inaugurava, em Campos (RJ), o primeiro serviço público de iluminação elétrica da América do Sul, com capacidade para iluminar 39 lâmpadas.


Avançamos no tempo e chegamos a 1939, quando foi descoberto o primeiro poço de petróleo no Brasil, em Lobato (BA). A intensificação dos trabalhos de exploração na região gerou novas descobertas e o Brasil rapidamente já possuía três refinarias que processavam um total de 1.650 barris de óleo bruto/dia.


Chegamos aos anos 1960, quando é criado pela Lei nº 3.782 o Ministério das Minas e Energia (MME). O MME foi então encarregado do estudo e despacho de todos os assuntos relativos à produção mineral e à energia.


Assim segue o “Minas e Energia ao longo da história brasileira”, retratando a evolução de campos de petróleo, áreas minerárias, pesquisas e avanços no setor do gás natural e da energia elétrica, passando pela descoberta do revolucionário Pré-Sal, à recente criação da Agência Nacional de Mineração (ANM) e à vinculação das Indústrias Nucleares do Brasil (INB) ao MME.


Uma rica retrospectiva de um País de dimensões continentais, com riquezas e conquistas que são orgulho de todos os brasileiros.


Assessoria de Comunicação Social

10 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page