top of page

NOTÍCIAS DA ACE

Obras da Ferrovia de Integração Centro-Oeste avançam e são vistoriadas pelo MInfra

Ultima atualização em 08/09/2022 18:50 horas



Primeiros 30 quilômetros da ligação entre Mara Rosa e Água Boa já foram desapropriados e passam por serviços de infraestrutura


Ligação ferroviária entre Mara Rosa (GO) e Água Boa (MT), a Ferrovia de Integração Centro-Oeste (Fico) já tem os primeiros 30 quilômetros liberados de área pelo processo de desapropriação. O empreendimento passa agora por serviços de terraplanagem e supressão vegetal.


A Fico possibilitará escoamento da safra produzida no Centro-Oeste até portos das regiões Sudeste e Nordeste. O empreendimento tem 383 quilômetros de extensão, com investimentos de R$ 2,73 bilhões custeados por investimento cruzado, resultante da renovação antecipada do contrato de concessão da Vale com a União pela Estrada de Ferro Vitória-Minas (EFVM).


Parte da agenda do Setembro Ferroviário do Ministério da Infraestrutura (MInfra), mês dedicado a ações que impulsionem o transporte sobre trilhos no país, as obras da Fico foram vistoriadas por uma comitiva nesta quinta-feira (8).


“É uma obra estruturante que vai diminuir o custo logístico de produção e favorecer a balança comercial. O Centro-Oeste brasileiro, com essa obra, passa a ser mais competitivo”, afirmou o ministro da Infraestrutura, Marcelo Sampaio.


Andamento

Conforme a Valec, empresa pública que detém a concessão da futura ferrovia e conduz as obras, a previsão é de que até o fim do ano sejam liberados mais 50 quilômetros de frente de obras. Durante o prazo de execução das obras férreas devem ser abertos 4,6 mil novos postos de trabalho. São 1,5 mil diretamente ligados à construção da estrada de ferro e mais de 3 mil para apoio e suporte da obra, o que inclui hotéis, restaurantes e serviços diversos.

Quando finalizada, a estrada de ferro fará a conexão entre o Vale do Araguaia e a Ferrovia Norte-Sul, favorecendo o escoamento da safra regional aos portos de Santos (SP), Itaqui (MA) e, no futuro, de Ilhéus (BA), pois se conectará também à Ferrovia de Integração Oeste Leste (Fiol).


Assessoria Especial de Comunicação Ministério da Infraestrutura


13 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page