NOTÍCIAS DA ACE

Soluções Inovadoras para construção civil discutidas no encerramento do CREASUL


Encerrou na manhã desta quarta-feira (11), de forma presencial, na Sede da Associação de Engenheiros e Arquitetos de Maringá – AEAM, mais uma reunião ordinária do CREASUL. Encontro que tem como objetivo de alinhar as pautas de interesse entre os Creas Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, que serão debatidas durante o Colégio de Presidentes – CP, evento que ocorre em setembro.


A reunião, que ocorreu durante os dias 10 e 11/08, contou com todos os protocolos de saúde para poder ocorrer presencialmente e foi realizada em Maringá, aproveitando que o presidente do CREA-PR, Eng. Civ. Ricardo Rocha, está na cidade para a 2ª SEPEAG DIGITAL.

A presidente da AEAM e Coordenadora-Adjunta do CDER-Estadual, Eng. Eletric. Aline Bortolotto, abriu a reunião e, em na sequência, o presidente do Crea-SC, eng. civ. Kita Xavier, falou sobre a fiscalização, os eventos do segundo semestre de Santa Catarina e o GT 1121 do Confea. “É uma satisfação enorme estar aqui hoje. Essa interiorização que ocorre aqui no Paraná é fantástica. Não importa onde, as Entidades de Classe e o CREA-PR estão sempre presentes e atuando em conjunto”, comentou.


Em seguida, a presidente do CREA-RS, Eng. Amb. Nanci Walter, falou sobre as recentes ações do Sistema Confea/Crea no Congresso Nacional. Em relação à PEC 108, a presidente Nanci foi categórica. “Eu fui à Brasília e, se precisar, vou novamente atrás dos anseios de nossos profissionais. Precisamos continuar com essas ações coordenadas dos Creas”. Sobre a Medida Provisória 1.040/2021, complementou: “O objetivo da MP é um, e o entendimento foi completamente errôneo. A ART não é uma taxa ou um boleto, ela é um instrumento de proteção do profissional e da sociedade”, disse.


Encerrando os informes iniciais, o presidente Ricardo deu um panorama sobre algumas ações recentes do Crea, falou sobre a SEPEAG e reiterou a fala da presidente Nanci. “Concordo com o CREA-RS, nós temos que agregar na discussão. Quando essas proposições foram apresentadas por parlamentares, o Sistema Confea/Crea e



Mútua se uniu, e todos os Creas e entidades de classe começaram uma luta por uma mesma causa. Temos que continuar essas ações coordenadas”, finalizou Ricardo.


Presidente do Crea-PR, eng. civ. Ricardo Rocha.
Presidente do Crea-PR, eng. civ. Ricardo Rocha.

Os representantes do CREASul devem se encontrar em Brasília no próximo dia 17/08 para dar continuidade às ações com os parlamentares que ainda não se posicionaram à favor do Sistema Confea/Crea.





Saiba mais sobre a PEC 108, a MP 1.040 e como vem sendo o trabalho do Sistema Confea/Crea.


Presidente Ricardo recebendo o convite para o evento enquanto a eng. seg. trab. Fabiana Yuka Sasaki Endo, e o eng. seg. trab. Nilton Camargo Costa realizam uma apresentação.
Presidente Ricardo recebendo o convite para o evento enquanto a eng. seg. trab. Fabiana Yuka Sasaki Endo, e o eng. seg. trab. Nilton Camargo Costa realizam uma apresentação.

Dando sequência ao encontro, a pres. da Associação de Engenheiros de Segurança do Trabalho – Asengest, Eng. Seg. Trab. Fabiana Yuka Sasaki Endo, e o Coordenador-adjunto da Câmara Especializada de Agrimensura e Engenharia de Segurança do Trabalho – CEAEST, Eng. Seg. Trab. Nilton Camargo Costa, realizaram uma apresentação sobre o CONEST. O Congresso ocorre nos dias 24 a 26 de novembro, em Londrina.


Após a apresentação, o Gerente da Regional Maringá do CREA-PR, Eng. Civ. Helio Xavier, deu um panorama aos presidentes sobre as discussões do Grupo de Trabalho do Confea sobre a Resolução Federal 1121 (que trata do assunto registro de pessoas jurídicas).


Finalizando a parte da manhã, o CredCrea – Cooperativa de Crédito direcionada aos profissionais ligados ao Sistema Confea/Crea, apresentou a ampliação da Cooperativa no Paraná e convidou os presidentes para a inauguração da nova sede da CredCrea em Maringá. Saiba mais sobre o CredCrea.


Segundo dia

Presidente Ricardo, presidente Kita e, ao fundo, o geog. Jorge Campelo apresentando o evento.
Presidente Ricardo, presidente Kita e, ao fundo, o geog. Jorge Campelo apresentando o evento.

O último dia de CREASul iniciou com uma apresentação feita pelo presidente da Associação Profissional de Geógrafos no Estado do Paraná – APROGEO/PR, geog. Jorge Campelo, sobre o Ideathon do Sistema, evento proveniente dos Editais de Chamamento do Crea-PR que visa, om apoio de metodologias de gamificação, fomentar ideias criativas e inovadoras, com o desafio de abordar assuntos ligados a ética e fiscalização. “Jogar sempre foi fácil, e ensinar jogando virou uma estratégia nas grandes empresas. Com base nisso, o Ideathon desafia seus participantes criar formas gamificadas de falar sobre ética e fiscalização”, comentou Campelo sobre o evento que será lançado dia 27 deste mês.


Em seguida, a a presidente da AEAM e Coordenadora-adjunta do CDER-Estadual, Eng. Eletric. Aline Bortolotto, realizou uma fala sobre a Associação, explicando algumas ações recentes de associativismo, qual política de benefícios da AEAM, entre outros assuntos.


Encerrando as pautas da manhã, a Engenium Park e a InZoom, startups apoiadas pela AEAM e Sinduscon, apresentaram aos presidentes seus projetos. A Engenium é um ambiente que tem a proposta de fomentar soluções inovadoras para o setor da construção civil oferecendo acesso a estrutura física, metodologias de inovação, conexões com atores do ecossistema, mentorias com players locais e nacionais, acesso a investimentos e ajuda no processo de geração de valor. Já a InZoom é uma Construtech, startup que possui soluções para o mercado da cadeia de valor da construção civil, ou seja, propõe soluções direcionadas ao segmentado da construção civil.


Fonte: CREA-RS

8 visualizações0 comentário